WhatsApp
Loading

FALE COM NOSSO CORRETOR

PREFERÊNCIA DE CONTATO:

SOLICITE NOSSA LIGAÇÃO

PREFERÊNCIA DE CONTATO:

Mensagem enviada

Sua mensagem foi enviada com sucesso.

Você terminou!

Obrigado por preencher nosso formulário de feedback de pesquisa de compradores, alguém da nossa equipe entrará em contato com você em breve. Estamos ansiosos para ajudá-lo.

Bem-vindo a Authentic!

Obrigado por se escrever a nossa Newsletter.

Download completo!

Por favor, verifique seu e-mail para baixar nosso e-book.

Mensagem não enviada

Não foi possível enviar sua mensagem.

Servicios en español

Ofrecemos servicios en español. Contáctenos!
Casa ou Apartamento? Qual é melhor em Orlando
Casa ou Apartamento? Qual é melhor em Orlando

Se você sonha em sair do Brasil e começar uma vida nova na América do Norte, provavelmente Orlando está entre as suas principais opções, confira.

Boa parte da Flórida faz com que você se sinta em casa e diminua as saudades daqui. São muitos brazucas, latinos, clima parecido com aqui além de ser um lugar lindo e ótimo para se morar.

 

Só que toda mudança acaba nos dando trabalho. Tanto para arranjar coisas como vistos e documentos, quanto para decidir o que fazer, como de que maneira e qual o melhor jeito de se arranjar por lá.

 

A moradia será sem dúvida umas das primeiras coisas que você vai ter que arrumar. E agora a dúvida cruel: casa ou apartamento? O que acaba sendo mais difícil de você decidir por às vezes não conhecer tão bem o lugar. Por exemplo, é mais fácil de você saber se vai morar em um apê em São Paulo, porque você conhece e sabe como as coisas funcionam. Mas agora e lá? Calma, que já vamos te contar tudinho!

 

Infraestrutura

 

Apesar de Orlando ser uma cidade grande e desenvolvida, não dá para comparar com as principais capitais brasileiras pelo número de prédios. Não que lá não exista, mas eles não são tão verticalizados como aqui. Ou seja, na maioria das vezes são pequenos predinhos organizados como condomínios – muitas vezes com infraestrutura como área de saúde e lazer. O mesmo que acontece com casas.

 

Assim como os predinhos, muitas das casas em Orlando também estão localizadas em condomínios. Mas como a segurança lá é maior, é diferente daqui – muitos não têm portaria e nem pedem identificação para entrar. Somente nas áreas de convivência isso é mais comum. De resto, as coisas são mais livres. Mas caso esse modelo não te dê segurança (o que não é uma preocupação que você precisa ter) prefira uma casa independente.

 

Neste último caso você acaba perdendo um pouco do conforto das áreas comuns que são perfeitas para as crianças brincarem e fazerem novos amigos – principalmente em fases como essas de mudanças. Mas nada impede que você encontre uma boa vizinhança e que tenha um belo quintal e uma bela piscina!

 

Negociação

 

Como os valor imobiliário lá é muito mais baixo que aqui, não descarte a possibilidade de ter o lar dos seus sonhos. Pesquise, procure e negocie. Os preços são muito bons e as formas de pagamento também.

 

Para começar a negociar o primeiro a fazer é procurar uma imobiliária e falar com um brooker, seu corretor de imóveis. Ele que vai apresentar o local e te colocar em contato com os proprietários. Sem ele será muito complicado muitas vezes nem sendo possível. Portanto, não dispense este serviço.

 

Compra ou aluguel?

 

Outra coisa que vale levar em conta é se você pretende comprar ou alugar o imóvel. Caso sua escolha seja a primeira opção, as casas costumam ter mais ofertas, pois é mais comum encontrar apartamentos de aluguel que acabem sendo menores e mais práticos para jovens e solteiros tendo uma oportunidade maior de movimento.

 

Leve em consideração também o tempo de sua moradia. Se você pretende ficar alguns meses, alguns anos, se consolidar por lá… Tudo isso conta na hora da sua decisão. É legal também começar aos poucos e se estabilizar por lá. Mas ao mesmo tempo nada impede que você faça um investimento de compra e se depois mudar de ideia ainda ganha um dinheiro com isso.

 

O que também vai contar é o preço. Assim como aqui uma casa grande e espaçosa terá valor mais alto do que um apartamento menor, tanto para o aluguel quanto para a venda.

 

Somada essas dicas, você deve levar em consideração os bairros. Alguns têm mais apartamentos, outro mais casas. E tudo isso soma-se ao que a região oferece: mais famílias, mais centros comerciais, mais escolas… Tudo vai depender do estilo de vida das pessoas que moram em determinada região – e consequentemente o seu.

 

E agora que você já está mais familiarizado com uma possível mudança para Orlando, tenha em mente que é difícil encontrar o lugar 100% perfeito. Isso em qualquer lugar do mundo! Ou seja, sempre haverá um “defeitinho”, ou algo que poderia ser diferente. Mas para tudo há uma solução e sempre somos capaz de transformar aquilo que não nos agrada. Então não se apegue a pequenos detalhes e encare esta busca como um desafio – e dos melhores. E boa sorte!

 

Para saber mais informações sobre os empreendimentos de Orlando e imediações, confira todos os nossos imóveis à venda em Orlando.